Formações

Diogo Mendes & Convidados

Um espetáculo que leva a Guitarra Portuguesa e a Canção de Coimbra a novos ambientes,.

Destaca-se a presença, ao contrário do habitual, de vozes femininas, do violino, do violoncelo e da dança contemporânea, dando assim uma nova e inovadora roupagem aos temas clássicos.

Diogo Mendes na Guitarra Portuguesa, João Ferreira na Viola de Acompanhamento de Fado, Joana Sayal no violoncelo e Daniel Chichorro no violino. A cantar Pedro Ventura, Sérgio Pereira, Inês Martins e Mafalda Duarte, com  coreografias da bailarina Clara Carvalho.

Diogo Mendes a Solo

As vozes ausentam-se para dar lugar à Guitarra Portuguesa enquanto solista. 

Neste espetáculo fora do habitual, ouvirá temas do reportório Coimbrão da Guitarra Portuguesa da célebre Família Paredes, de António Portugal e de Francisco Filipe Martins, assim como alguns temas tradicionais do reportório de Lisboa e temas mais contemporâneos.

Um espetáculo instrumental, intenso e intimista, contando com Diogo Mendes na Guitarra Portuguesa e João Ferreira na Viola de Acompanhamento.

Diogo Mendes & Sérgio Pereira

Ouvem-se os temas tradicionais de Fado e Canção de Coimbra, mas cantando também uma nova Coimbra, jovem e atual.

Diogo Mendes alia-se a Sérgio Pereira, companheiro e amigo de longa data, e é a partir do Fado que iniciam a busca de novas sonoridades, sem nunca esquecer a sua raiz.

Um espetáculo energético e folgaz, com Diogo Mendes na Guitarra Portuguesa, João Ferreira na Viola de Acompanhamento de Fado e Sérgio Pereira na Voz.

Diogo Mendes & Grupo de Fado Amanhecer

Ouve-se Fado de Coimbra do mais tradicional ao contemporâneo, sem esquecer as “guitarradas” instrumentais e as baladas acompanhadas à viola.

Com a certeza de que o Fado de Coimbra tem de se fazer ouvir e merece ser ouvido, não só pelos estudantes mas por todos, teimam em reavivar a alma da cidade que lhes marcou a juventude e abriu as portas para o Fado. 

Eternizam Coimbra a cada verso, a cada acorde. O grupo, que já teve várias formações, é atualmente composto por Diogo Mendes na Guitarra Portuguesa, João Ferreira na Viola de Acompanhamento de Fado e, a cantar, Pedro Ventura.